O TEMPO DE EXPOSIÇÃO AO SOL QUE PODE AJUDAR O CORAÇÃO, O HUMOR E O SISTEMA IMUNOLÓGICO

Todo mundo sabe da importância do protetor solar. Mas a verdade é que nossos corpos precisam de sol. A luz do sol pode melhorar nosso humor, diminuir a pressão arterial, fortalecer nossos ossos, músculos e até mesmo nosso sistema imunológico.

Basicamente, sem a luz direta do sol, nosso corpo não é capaz de produzir vitamina D, substância que desempenha uma série de funções importantes no nosso organismo. Quando a luz do sol atinge a pele, nosso corpo a absorve e a converte nesse poderoso nutriente.

Quando o sol incide sobre a pele, a radiação atinge uma molécula de 7-desidrocolesterol. Ela transforma o 7-desidrocolesterol em pré-vitamina D. Depois, leva vários minutos para que a pré-vitamina D se transforme em vitamina D.

Nós precisamos de vitamina D, por exemplo, para que nosso organismo absorva cálcio e fosfato dos alimentos —ambos minerais são vitais para a saúde dos ossos, dentes e músculos. E não importa sua idade.

Mas os benefícios da vitamina D vão além de fortalecer nossos ossos e músculos. “Parece haver alguma evidência de que contribui para o sistema imunológico, como também pode ajudar a proteger contra algumas formas de câncer e doenças autoimunes, como esclerose múltipla”, acrescenta Webb. Pesquisas também mostram que pessoas com níveis muito baixos de vitamina D correm mais risco de doenças cardíacas, diabetes e demência.

É verdade que também é possível obter vitamina D a partir de certos alimentos —como ovo, leite e peixes gordurosos (salmão, por exemplo). Mas é muito difícil obter a quantidade adequada apenas por meio da dieta. Felizmente, podemos obter nossa dose diária ao ar livre (e de graça).

Mas essa exposição deve ser feita de forma consciente —de modo a evitar queimaduras, câncer de pele e o envelhecimento precoce. A quantidade de sol que você precisa para produzir a quantidade ideal de vitamina D é pessoal —depende do seu tipo de pele, de onde você mora e da sua sensibilidade. O mais importante é não se queimar.

Fonte: BBC News Data de publicação: 09/01/2022

Parceiros